domingo, 8 de dezembro de 2013

La Muela Del Diablo- Bolívia

La Muela del Diablo

 fuui por aí


Diário de bordo 1º Dia
Data da Viagem 19/10/13

Depois de passar alguns finais de semana apenas no hotel, resolvi conhecer um pouco das atrações "próximas" da cidade onde eu estava hospedado a trabalho, a famosa cidade de Corumbá conhecida por ser a porta de entrada do Pantanal, e também cidade fronteira com a Bolívia. 

Minha meta inicial era conhecer uma atração bem famosa mas que poucos conhecem devido estar relativamente longe partindo de Corumbá. Mas como eu já não aguentava mais ficar no hotel, então estava disposto a passar qualquer perrengue com transporte. 

Foi aí que tive a ideia de ir em Puerto Quijarro logo pela manhã para ver preços de possíveis transportes para chegar até meu destino Águas Calientes. 
E chegando em Puerto Quijarro tive que pegar um táxi até a rodoviária e para minha surpresa no meio do caminho conversando com o taxista acabei fechando um acordo com o mesmo de nos levar até Águas Calientes e acabei até incluindo no roteiro La Muela del Diablo uma atração que realmente valeu a pena pelas bonitas paisagens!! 

Em fim, como dito acima no próprio táxi fechamos o pacote da seguinte forma, o taxista nos levaria pelo valor de R$250,00 reais e pagaríamos suas refeições, mas não pagaríamos sua hospedagem visto que ele se propusera a dormir na Van. E sem demora já resolvemos viajar no mesmo dia na parte da tarde... onde o taxista nos deixou no hotel para arrumarmos nossas coisas e ele iria buscar as coisas dele para os dois dias de viagem e nos encontraríamos as 14:00 no frente do hotel.

Finalmente as 14:40, com atraso padrão Bolívia, o taxista chamado Alfredo chegou e já partimos, mas ainda teríamos uma surpresa... O Alfredo nos pergunta: Posso levar meu pai? Achamos meio estranho mas aceitamos ele levar o pai dele... rsrs

Passamos num supermercado para abastecer o estoque de gordices e partimos para uma viagem de 4 horas até o povoado de Chochis onde esta localizado La Muela del Diablo. 


fuui por aí


Chegamos por lá por volta das 19:00 e como a ansiedade para conhecer era grande fomos mesmo no escuro ver se conseguíamos ver alguma coisa e até que conseguimos tirar algumas fotos bem legais mesmo o sol já tendo se posto.


fuui por ai




fuui por ai




As vezes não é nada fácil andar na linha.. 


fuui por ai



E encontramos também um tipo diferente de vaga-lume onde em vez da luz ser atrás, esse tipo de vaga-lume tem luzes nos olhos. 


fuui por ai
Vaga-lume
Chega de apreciar a paisagem e bora procurar um lugar pra descansar... Enfim encontramos um "hotel" chamado Hotel Peregrino.. Um lugar que estava mais pra pousada... Embora não fosse muito confortável e sem café da manhã, serviu para descansar. Preço pago pelo pernoite 50,00Bob mais o menos R$16,00 por pessoa. 


Papiando a luz da lua na frente do Hotel El Peregrino
 


Como o Hotel peregrino não serve nada relacionado a comida o jeito foi buscar algo para comer na redondeza e para nossa surpresa encontramos alguns "restaurantes" um tanto diferente... rsrs As comidas refeições são servidas vendidas e servidas nas esquinas do bairro.. È só escolher o cardapio que que te apetece, tomar acento e se banquetear da refeição escolhida... Em uma das esquinas que perguntamos estava servindo carne de Tatu, mas optamos pelo bom e conhecido Frango a la broadster (Frango Frito, arroz e batata frita)
Preço do jantar por pessoa 10,00Bob = R$3,33,  Coca Cola 2 litros 12,00Bob= R$4,00


Jantando em uma das esquinas do povoado de Chochis
Depois da janta passamos por uma das mercearias no meio do caminho de volta pra pousada e aproveitamos para saborear umas das cervejas vendidas na Bolívia, a encorpada cerveja Báltica!! Preço 5,00Bob = R$1,66 


 E assim fechamos a noite na frente da pousada conversando até tarde trocando idéias com a dona da pousada trocando experiências e aprendendo um pouco mais sobre a cultura local.

Diário de bordo 2º Dia

Logo pela manhã fomos surpreendidos por um belo dia de céu azul, e um forte vento... 




Vista do quintal do hotel El Peregrino
Sem demorar muito tomamos um café preto e comemos as gordices levadas do dia anterior e ja partimos rumo ao nosso objetivo La Muela del diablo..
E a 10min da pousada chegamos ao ponto mais próximo desta bela formação rochosa chamada La Muela del Diablo que está dentro do Santuário sagrado de Chochis. 


Santuário de Chochis


Da esquerda para direita ( Rodrigo, Eu e meu xará Jefferson)
E no trajeto de volta conhecemos um monumento diferente, que chamamos de "O homem sentado"!
Na pedra do lado esquerdo tem uma estátua de um homem sentado como se estivesse observando a cruz de metal no alto do outro topo da rocha. 


O homem sentado!!
 E como todo bom brasileiro curioso fomos explorar o entorno da montanha pela linha do trem.. foi onde nos deparamos com um ambiente cheio de vidas!! 


Pequena Gazela assustada
Calanguinho
Lagarto que mais parecia um jacaré de tão grande!!


Cogumelos
Em fim chegou a hora de deixar este lugar com paisagens exuberantes, deixando para trás um belo cenário que até então desconhecido até mesmo por muitos bolivianos. 



fuui por ai


Daqui partimos para "El Chorro" (Cachoeira) em Roboré e logo em seguida Águas Calientes!!
Veja a continuação desta aventura maluca Clicando Aqui!!